Mês: janeiro 2019

Receita de suco detox para eliminar os excessos do fim de ano

Saiba como eliminar toxinas e digerir os alimentos mais pesados

Leia também: Farinha seca barriga funciona

Quando terminam as festas de final de ano fica aquela sensação de cansaço e do que fazer para compensar a farra gastronômica desses dias. Nosso cansaço vem da tentativa do nosso corpo em compensar todo o desgaste e excessos dos dias de festa. Dormimos pouco, ingerimos menos nutrientes, nosso organismo gasta mais energia no processo digestivo e ficamos desidratados por causa do consumo de álcool. E aí que deve entrar um poderoso suco detox!

Suco verde detox elimina as toxinas e melhora a digestão

Leia também: Phytophen funciona

Bomba de fibras: receita de suco termogênico que regula intestino
A bebida ajuda a começar o ano com mais disposição. Fácil de fazer, o suco detox deve ser consumido em jejum para ajudar o corpo no processo de eliminação dos excessos como bebidas alcoólicas, gorduras, toxinas e comidas de mais difícil digestão.

Leia também: comprar Max Detox

Ingredientes:

2 laranjas seletas;
1 limão (pode ser meio limão se você quiser um suco mais doce);
De 5 a 6 folhas de Couve;
De 5 a 6 ramos de Salsinha inteiros;
1 pedaço de Gengibre, correspondente a uma colher de sobremesa;
1 Cenoura grande ou 2 pequenas.

Leia também: Kifina funciona

12 Livros sobre Depressão em PDF para Baixar

Para muitos, a depressão é considerada o Mal do Século, alcançando milhões de pessoas – ricos e pobres, crentes e descrentes – no mundo inteiro. De fato, a depressão não faz acepção de pessoas. Ele pode atingir qualquer pessoa, a qualquer momento. Até mesmo pessoas ligadas à religião e que acreditam fortemente em Deus.

Leia também: Fórmula negócio online comprar

Para um paciente em depressão melhorar, é necessário ajuda psiquiátrica, pois se trata de uma doença e e não de uma “frescuragem” como muitos erroneamente ainda pensam.Há quem se cure da depressão pela fé – e realmente Deus pode curar esse mal – e outros meios, mas de um modo geral é importante que a pessoa em depressão seja ajudada por um especialista e que a acompanhe a fim medicá-la corretamente.

Pensando em ajudar aqueles que passam por esse mal ou que têm algum parente ou amigo nesse estado, esse artigo trás alguns livros em PDF para download para dar uma orientação e dicas para enfrentar esse mal.

Compartilhem!!!

7 Passos 7 Dias Para Ir Além Da Depressão

1. Depressão Clínica, Crítica e Ética – Orlando Coser
Baixar PDF: GoogleDrive / Yandex
Comprar Livro

2. Depressão e Melancolia – Urania T. Peres
Baixar PDF: GoogleDrive / Yandex
Comprar Livro

3. Quando a Depressão Ataca – Pirineus de Sousa
Baixar PDF: GoogleDrive / Yandex
Comprar Livro

4. Sol Negro – Depressão e Melancolia – Julia Kristeva
Baixar PDF: GoogleDrive / Yandex
Comprar Livro

5. Curar o Stress, a Ansiedade e a Depressão sem Medicamentos nem Psicanalise – Dr. David Servan-Schreiber
Baixar PDF: GoogleDrive / Yandex
Comprar Livro

6. Depressão – O Que Você Precisa Saber Para Realmente Melhorar – Dr. José Hamilton Vargas
Baixar PDF: GoogleDrive / Yandex
Comprar Livro

7. O Demônio do Meio-Dia: Uma Anatomia da Depressão – Andrew Solomon
Baixar PDF: GoogleDrive / Yandex
Comprar Livro

8. A Depressão Como “Mal Estar” Contemporâneo – Leandro Tavares
Baixar PDF: GoogleDrive / Yandex
Comprar Livro

9. Terapia Cognitiva da Depressão – Aaron T. Beck
Baixar PDF: GoogleDrive / Yandex
Comprar Livro

10. Depressão Corpo Mente e Alma – Wagner Luiz Teodoro
Baixar PDF: GoogleDrive / Yandex

11. Depressão Espiritual – D. M. Lloyd-Jones
Baixar PDF: GoogleDrive / Yandex

12. Vença a Depressão – Um Guia para a Recuperação – Dr. John Preston
Baixar PDF: GoogleDrive / Yandex

CÓLICA MENSTRUAL

Saiba mais sobre a cólica menstrual e veja dicas para enfrentar esse incômodo!

Todos os meses as mulheres apresentam um fenômeno conhecido como menstruação. Ela pode acontecer sem causar dor ou incômodo, entretanto, um número considerável de mulheres sente a chamada cólica menstrual.

A cólica menstrual, também chamada de dismenorreia, é um desconforto que as mulheres sentem antes ou então no momento da menstruação. Normalmente essa dor é observada na região baixa da barriga e é ocasionada pela contração do útero, que é um órgão musculoso.

A cólica menstrual, em grande parte dos casos, dura em torno de 48 horas, ou seja, dois dias, e pode ocorrer associada à náusea, dores de cabeça, vômito, dores nas costas, diarreia, desmaios, dor nos seios e indisposição. Normalmente o mal-estar é tão grande que impede a mulher de ir ao trabalho ou até a escola, por exemplo.

Leia também: como parar a Cólica menstrual

As cólicas menstruais tendem a desaparecer com a idade ou após a gravidez e geralmente não estão associadas a nenhum tipo de doença. Porém, em certos casos, a cólica menstrual não é um evento normal e pode estar relacionada com doenças como endometriose e mioma. Sendo assim, é fundamental procurar um médico ao sentir cólicas muito fortes e persistentes.

Para o tratamento de cólicas, o médico pode indicar medicamentos como anticoncepcionais orais, anti-inflamatórios e antiespasmódicos. O remédio a ser recomendado dependerá do quadro da paciente, por isso, antes de receitar medicamentos, o médico deve realizar uma série de exames.

Veja a seguir algumas dicas que podem auxiliar na redução de cólicas menstruais:

– Usar uma compressa de água quente na região baixa da barriga;

– Manter repouso;

– Não comer alimentos gordurosos e ricos em açúcar;

– Evitar bebidas alcoólicas e bebidas com cafeína;

– Consumir bebidas quentes, como chás de camomila;

– Tomar um banho morno.

Para evitar as cólicas menstruais, é importante que a mulher apresente também hábitos de vida saudáveis diariamente. Uma boa alimentação e a prática regular de exercícios físicos podem ajudar a diminuir esse incômodo.

Comer babosa faz bem (sim, comer!)

Se puder escolher apenas uma planta, escolha a babosa

A babosa (ou aloe vera) é muito conhecida pelo seu uso tópico, que alivia queimaduras e irritações na pele, além de cicatrizar feridas. Como também é um bom hidratante, muitos produtos de beleza têm essa planta como ingrediente. Mas você sabia que comer babosa também é uma boa ideia?

#1 A babosa é muito nutritiva
A babosa é composta por um verdadeiro abecedário de minerais. Na lista: cobre, fósforo, cálcio, sódio, potássio, manganês, ferro, magnésio, vitaminas A, B e C. Recuperou o fôlego? Pois saiba que um suco de babosa carrega todos os nutrientes e fica super-saboroso. Tome nota:

Suco de babosa
Ingredientes
– Folhas de babosa lavadas e descascadas (retire a parte espinhosa das laterais e a parte amarelada, que aparece embaixo e causa irritações gastrointestinais);
– Uma fruta cítrica (escolha entre suco de limão, rodelas de abacaxi, maracujá fresco, acerola ou kiwi);
– Mel a gosto;
– Água.

Leia também: Babosa

Modo de preparo
Bata todos os ingredientes no liquidificador e sirva com gelo.

#2 A babosa ajuda a prevenir anemia
Dê adeus à anemia ferropriva – aquela causada pela falta de ferro no organismo –, e diga obrigada à babosa, que dá uma mãozinha no assunto, já que possui boa quantidade do nutriente. Cansaço, tontura, dores de cabeça e nas pernas não vão fazer mais parte da sua rotina.

#3 Prisão de ventre nunca mais!
A babosa é rica em fibras e todas sabem o que isso significa: idas regulares ao banheiro! (E nada mais de se sentir inchada e, literalmente, enfezada). Além disso, existe um composto – chamado aloína – obtido a partir do suco da planta que é um poderoso laxante.

#4 Mais benefícios da aloína
Além de ser um laxante potente, a aloína também ajuda a combater infecções bucais e gastrointestinais como úlceras.

#5 Xô, inchaço!
“A babosa tem efeito anti-inflamatório, fazendo com que o corpo desinche. Substâncias presentes na planta, auxiliam na desintoxicação do intestino, melhorando absorção de nutrientes e também melhorando o transito intestinal”, explica Andrea.

© Reprodução
#Bônus de beleza
Se você deseja ter belos e longos cabelos, faça como as mulheres argentinas, que adicionam aloe vera triturada ao xampu, com o objetivo de estimular o crescimento dos fios.

A babosa é uma planta milagrosa, renomada pelos seus benefícios nos tratamentos de inúmeras afecções. Aplique-a sobre cortes e rachaduras na pele, contusões, após a exposição exagerada ao sol: ela vai ajudar a sarar e acalmar a região afetada.

Atenção!
A babosa pode provocar reação alérgica em algumas pessoas e deve ser consumida moderadamente e, se consumida em excesso, a aloína pode irritar a mucosa intestinal causar muitos desconfortos.

Natal é a melhor data para seguir dieta low carb, afirma nutricionista

Natal chegou, e aquela dieta do ano inteiro que veio funcionando parece estar prestes a ir por água abaixo. Ao contrário do que muitos pensam, quem é adepto da low carb não poderia estar em momento melhor para continuar a dieta e aproveitar as confraternizações continuando na linha.

“Para quem segue a dieta low, o Natal é a melhor data para segui-la. Já que na ceia temos uma quantidade bem variada de proteínas – chester, peru, frango, peixes -, assim podemos nos servir bem e de forma variada com cada uma delas”, afirmou a nutricionista funcional Carla Lopez.

Leia também: E-book 101 Receitas Low Carb preço

Carla comenta que o segredo é saber diversificar, comendo então de tudo um pouco, desta forma você poderá se satisfizer com todo o menu da noite. A diferença começa quando você cria noção do que está consumindo e colocando em seu prato, o que torna muito mais fácil a maneira de se regular sem precisar “compensar” no dia seguinte.

Leia também: Farinha seca barriga funciona

Tá Liberado

“Normalmente o prato principal é priorizado pelas proteínas e lindas saladas da ceia, a dica é: evite os carboidratos das guarnições como: arroz, batata, farofa, maioneses. Com esse controle na ingestão das calorias, saborear a sobremesa de sua preferência fica a sua escolha! Sem culpa, mas com consciência”, afirmou a nutricionista.

Carla Lopez é nutricionista funcional e atende pelo Instituto Abinader, no Cristal Tower, bairro Adrianópolis, em Manaus. Foto: Yasmin Feitosa

Por incrível que pareça, Carla afirma que o peru tá liberado! Por ser uma ave que quase não consumimos, somente nesta época do ano, além de ser carne branca. Não só isso, mas o vinho também, desde de quê, claro, com consciência. Outra dica preciosa da nutricionista é incrementar as refeições com grãos. Nesta época do ano é muito consumido alguns tipos de nozes, amêndoas, entre outros, então usá-los a seu favor é um truque maravilhoso.

Leia também: Kifina funciona

“A procura deve ser por produtos menos industrializados, adoro o Natal exatamente porque tem muita comida que é feita na hora, então são comidas caseiras e um pouco mais saudáveis. Essa época do ano é para celebrar, é de comemorações, não estrague o clima se recusando a comer ou retirando a sua marmita da bolsa, aproveite o momento e se divirta sempre com consciência”, disse Carla.

Leia também: Phytophen funciona

PUBLICIDADE
CARDÁPIO

Taças de vinho

Aquele brinde natalino, ou até de comemoração ao ano que se espera, pode ser acompanhando de um bom vinho. Ele é o mais recomendando.

Saladas belíssimas

Nesta época de fim de ano, uma das entradas mais tradicionais são as saladas super incremendas e belas de Natal, e elas estão totalmente liberadas para quem segue a na dieta do low carb, então pode usar e abusar do verdinho, sem culpa.

Até o chocolate está liberado?

Acredite se quiser, o mousse de chocolate pode ser low carb, existem várias receitinhas na internet que você pode sugerir levar para a confraternicação. E mesmo os que não são, caso siga as recomendações, também estão liberados.

8 passos (fáceis!) para você adotar um estilo de vida saudável

Começar um projeto de vida saudável é uma tarefa difícil, mas não impossível. Com alguns ajustes na rotina, é possível se livrar dos hábitos ruins e chegar lá

Deixar hábitos para trás, como comer de forma desregrada e ser sedentária, não é a missão mais fácil do mundo — muito pelo contrário. E para ajudar você nessa missão, listamos oito ajustes fundamentais para você reeducar a alimentação e, o mais importante, de forma contínua e definitiva.

1. Faça um diário alimentar

Sabe aquele caderno de anotações que está esquecido na gaveta? Faça dele o seu melhor amigo. Este é o primeiro passo para você ter noção de onde está exagerando. Funciona da seguinte maneira: anote todas as refeições do dia — inclusive os deslizes. “Ao longo da semana, você terá uma noção melhor da quantidade de comida que ingeriu”, diz a nutricionista Glauce Carvalho, da Clínica Saúde Carvalho, de São Paulo.

Leia também: Saúde

2. Trace objetivos

“Reeducar sua rotina, com alimentação saudável e atividade física, só vai dar certo se for um projeto de vida. Mas é importante também celebrar as conquistas menores.” Trace dois objetivos, um a médio e outro a longo prazo. Cada etapa deve ser comemorada, até atingir o seu objetivo maior.

3. Use as redes sociais a seu favor

As redes sociais podem arrancar a coragem que você achava que não tinha para malhar. Por isso, inspire-se na rotina de exercícios e alimentação das famosas e das blogueiras fitness: pegue receitinhas saudáveis e ganhe ânimo para o estilo de vida saudável. Mas é preciso ter cautela, alerta a nutricionista. “Existe muita informação errada na internet. Consultar um especialista também é importante para avaliar qual dieta é melhor para você.”

4. Encare o exercício físico como prioridade da sua rotina

Começar a praticar uma atividade, em casa, na academia ou no parque, é desconfortável no início, principalmente para quem está muito acima do peso. Mas se manter uma rotina semanal, de no mínimo 3 vezes por semana, vai sentir a diferença na disposição e até na qualidade do sono. “Se movimentar é essencial para aumentar o gasto calórico, mas é preciso tomar cuidado com as compensações. Muitas vezes a desmotivação vem quando se come mais do que se gasta. A dieta é a maior responsável pela perda de peso”, alerta Glauce.

5. Livre-se de tudo que possa colocar a dieta a perder

Se você quer mesmo mudar de vida, saiba que agora é a hora da limpeza geral na despensa de casa, na geladeira e na gaveta do trabalho. Seja honesta consigo mesma, se não consegue resistir às guloseimas, ao menos evite que elas estejam ao seu alcance: livre-se de bolachas recheadas, sucos e comidas açucaradas e se jogue nas receitinhas saudáveis de BOA FORMA. Pegue esta dica: “Quando for às compras, tenha uma lista dos alimentos em mãos e vá direto aos produtos que precisa. E claro, não faça mercado com fome, pois o risco de não resistir às delícias… É grande.”

6. Organize a sua rotina

Separar um dia para organizar a alimentação da semana inteira é uma opção que pode impedir que, em dias de muito cansaço, você se renda aos pratos calóricos. “Os alimentos pré-cozidos e congelados, como brócolis, couve flor, sopas, caldos, carnes refogadas, deixam a vida mais simples evitam os deslizes. Na hora em que chegar em casa, você terá uma boa parte do cardápio organizado. Depois é só descongelar e fazer um sanduíche ou um prato mais leve”, ensina a especialista.

7. Faça exames

“Os exames de sangue conseguem mostrar ao seu médico e ao nutricionista se existe alguma deficiência de vitamina, de ferro, e se há glicemia e colesterol alto. Ao longo da dieta é preciso fazer outros exames, para saber se o novo plano alimentar esta surtindo efeito”, alerta Glauce.

8. Não seja tão dura consigo mesma

Ser focada é muito importante, mas radicalismo pode gerar frustração. A dica para manter a dieta com equilíbrio é escolher uma refeição na semana para comer aquilo que você gosta – isso vai estimular a não botar o pé na jaca nas demais refeições e, definitivamente, seguir em frente.

Massagem redutora

A Massagem Redutora é realizada em partes específicas do corpo, onde existe maior concentração de gordura localizada.


Leia também: Phytophen é bom

A técnica é executada com as mãos, usando movimentos intensos, rápidos e repetitivos, que ativam a circulação, trabalhando a gordura localizada e eliminando as toxinas.

Leia também: o que é massagem redutora

Esta massagem é capaz de ativar a circulação sanguínea (vasodilatação), aumentar a oxigenação e nutrição celular, ajudar na liberação de toxinas acumuladas no tecido, auxiliar no processo de redução de medidas e facilita a permeação de princípios ativos.

Leia também: Kifina é bom

Duração: 40 minutos.

Leia também: Farinha seca barriga é bom

saiba tudo sobre o kombucha, a bebida sensação do momento.

kombucha, a bebida que a cada dia ganha mais adeptos
O Kombucha é uma bebida probiótica, produzida a partir da fermentação de chá (preto ou verde), açúcar cristal orgânico e a cultura de leveduras e bactérias, cujo resultado final é uma bebida naturalmente frisante, saborosa e muito refrescante, que promove a saúde intestinal, e fortalece o sistema imunológico.

Originada na China Antiga, há cerca de 2 mil anos atrás, o kombucha sempre foi conhecido como um medicamento natural, de ação anti-inflamatória, cujo principal objetivo era tratar doenças. A partir das décadas de 1960 e 1970 a bebida conquistou o mundo depois de agradar o paladar dos hippies e naturalistas, que foram os responsáveis em difundir o uso do chá fermentado por todos os lugares. Nos últimos dois anos, o mercado de kombucha vem crescendo em velocidade meteórica, o que é muito bom para a saúde da população.

kombucha: como fazer?
O Kombucha é feito a partir da infusão do chá preto ou verde orgânico, adoçado com açúcar cristal ou demerara, também orgânico. Depois do chá adoçado e frio, é adicionado a colônia de leveduras e bactérias, chamada de Kombucha mãe ou SCOBY (Symbiotic Culture Of Bacteria and Yeast) e uma quantidade (cerca de 10% do volume total do chá adoçado) de kombucha pronta, que é o chá já fermentado.

Após estas etapas o Kombucha passará pela primeira fermentação que pode variar entre 7 e 21 dias. Após este processo, o chá fermentado será saborizado e envasado para a segunda fermentação, que dura de 2 a 5 dias. Depois da segunda fermentação a Kombucha deve ser refrigerada (para bloquear o processo de fermentação e evitar que o recipiente se rompa) e já poderá ser consumido.

quais os benefícios do kombucha?
Na China Antiga ele era consumido como uma “espécie de remédio”, portanto, a lista de benefícios é enorme.

No processo de fermentação a cultura se alimenta do açúcar, em troca, ela produz uma série de substâncias valiosas para se formar a bebida. Dentre elas destacamos ácido glucurônico, ácido acético, ácido láctico, ácido glucônico, glucosaminas, vitaminas, enzimas, aminoácidos e algumas substâncias antibióticas. Os benefícios trazidos por estas substâncias são:

Desintoxicante: por se liga as toxinas eliminando-as pela urina;
Antimicrobiano;
Auxilia no processo do emagrecimento porque regular o apetite;
Combate a bactéria H. pylori, umas das grandes causas de gastrite;
Preveni infecções e regula o transito intestinal, por combater bactérias e fungos causadores de doenças intestinais;
Combate o envelhecimento precoce por ser rico em antioxidantes;
Auxilia no processo da digestão pela presença de enzimas.
Lembrando que o kombucha não é um remédio, assim, para obter os benefícios importante associar o consumo à hábitos de vida saudáveis e equilibrados.

aprendendo a fazer o seu kombucha
Para iniciar a produção do Kombucha, é preciso ter a colônia de leveduras e bactérias, e uma quantidade inicial do chá já fermentado. O processo consiste em duas etapas de fermentação para então o seu Kombucha estar pronto para ser consumido.

mas antes de te explicar como produzir seu kombucha, vamos dar nomes aos principais ingredientes
A colônia de leveduras e bactérias SCOBY, nada mais é que o aglomerado destes microrganismos em uma massa de celulose, parecida com uma panqueca, e que é a responsável por fazer a primeira fermentação no processo de produção. Esta comunidade tem diversos nomes e é chamada também de Kombucha mãe. O SCOBY deve ser mantido em uma quantidade de chá já fermentado, chamado de starter, em local fresco e escuro até ser utilizado na produção do Kombucha.

Leia também: Kombucha emagrece

Geralmente, o SCOBY e o starter são doados por alguém que já produz Kombucha, pois, a cada fermentação, a colônia se multiplica e dá origem a uma nova Kombucha mãe. Mas existem locais que vedem o SCOBY com o chá já fermentado para você iniciar a sua produção.

Leia também: Phytophen funciona

vamos aos ingredientes do kombucha
Para produzir seu Kombucha você vai precisar de:

5g chá verde ou preto orgânico;
1 litro de água;
1 SCOBY;
100 ml do starter;
50g açúcar cristal ou demerara orgânico;
Um vidro grande que comporte 2 ou 3L;
Barbante;
Voal (tecido) ou perfex para tampar;
1 garrafa pet de pelo menos 1 litro.
fazendo o chá para a primeira fermentação
Primeiramente você vai fazer o chá na proporção de 5g de erva para 1L de água fervente e vai deixar em infusão por no mínimo 5 minutos;

No vidro grande você vai colocar o açúcar na proporção de 50g para cada litro de chá já coado e vai mexer até o açúcar ficam todo diluído;

Depois que o chá adoçado estiver frio, adicione o SCOBY e o starter, feche a boca do vidro com o voal e prenda o tecido no vidro com o barbante;

Leia também: Kifina

Pronto! Agora o seu Kombucha está pronto para a primeira fermentação. Ele deverá ser armazenado por um período de 7 a 21 dias, em um local limpo, escuro e longe de qualquer risco de contaminação. Quanto mais tempo ficar nessa primeira fermentação, menos doce será o resultado final. É importante cuidar para que seu Kombucha não vire vinagre, portanto, experimente e avalie seu sabor após o sétimo dia.

depois desta etapa ele está pronto para iniciar o processo da segunda fermentação
Antes de saborizar seu Kombucha, é importante separar de 200 a 300ml do chá fermentado para cada SCOBY (cada processo de fermentação gera um novo SCOBY), e reservar para a sua próxima produção ou para você doar.

O chá fermentado restante deverá ser coado e em seguida poderá ser saborizado, caso seja de seu interesse. Para saborizar você poderá utilizar suco natural ou integral orgânico ou outros tipos de chá. Será necessário 10% do volume total do chá fermentado, ou seja, se você tiver 2L de chá fermentado irá acrescentar 200ml de suco ou chá para saborizar seu Kombucha.

hora da segunda fermentação
Agora é só envasar e aguardar a segunda fermentação, que durar de 2 a 5 dias, e refrigerar para ser consumido. Para envasar você pode reaproveitar garrafas pet de água. Lembre-se de fechar bem a garrafa para não haver escape de gás. Será nessa segunda fermentação que seu Kombucha irá gaseificar de forma natural.

Para saber se ele já fermentou o suficiente, pressione levemente a garrafa, quando ela estiver bem rígida indica que já está com gás suficiente e pode ser refrigerado.

Pronto! Agora curta o momento, deguste seu Kombucha e aproveite de todos os seus benefícios!

como tomar o kombucha?
Não existe uma regra na forma de consumir o Kombucha. Algumas pessoas se sentem bem ao consumir a bebida ainda em jejum, outras preferem tomar após o almoço, e há quem goste de beber antes de dormir. Mas se você sofre de insônia, ou é hipersensível aos efeitos da cafeína, prefira consumir até o início da tarde, pois os chás verde e preto são ricos em cafeína e podem interferir na qualidade do seu sono.

Comece ingerindo uma pequena quantidade, avalie os efeitos no seu corpo e aumente o volume gradativamente. Você será seu termômetro. Lembre-se que tudo em excesso é prejudicial, portanto, consuma com moderação.

Avalie como ficará o funcionamento do seu intestino. No começo o Kombucha pode causar desconforto abdominal e aumentar a frequência nas evacuações. Mas não se assuste, este efeito é normal, pois o Kombucha irá restaurar a sua microbiota intestinal, eliminando as bactérias patogênicas.

BENEFÍCIOS DAS ATIVIDADES FÍSICAS VOCÊ ESTÁ AQUI:

A prática de exercícios está relacionada com o aumento da expectativa de vida

Quando vamos ao médico, frequentemente nos deparamos com a seguinte pergunta: Com qual frequência você realiza atividades físicas? Apesar de parecer estranha, essa pergunta diz muito a respeito da saúde. A seguir demonstraremos os benefícios das atividades físicas e como você pode melhorar sua qualidade de vida de maneiras simples.

Leia também: qual Exercício para queimar calorias

Os exercícios físicos são essenciais para uma vida saudável e para a prevenção de diversas patologias. Muitos estudos relacionam os exercícios até mesmo com o aumento da expectativa de vida. Isso mesmo, quem não pratica exercícios físicos vive menos! O sedentarismo e maus hábitos de vida fazem com que doenças graves desenvolvam-se.

Leia também: Phytophen funciona
Leia também: Kifina funciona

Normalmente a pessoa que procura uma academia ou inicia algum esporte está em busca da perda de peso. Entretanto, a prática de exercícios está relacionada com benefícios muito maiores do que apenas diminuir medidas. Pesquisas comprovam que exercícios melhoram o aprendizado, diminuem problemas de depressão, ajudam no tratamento de diabetes, melhoram a pressão arterial e a frequência cardíaca, diminuem as crises de enxaqueca e previnem infartos, derrames, osteoporose e outras doenças. Além disso, exercícios dão mais disposição, aumentam a autoestima, diminuem o estresse e aumentam a qualidade do sono.

Os exercícios aeróbicos, tais como caminhada, natação, hidroginástica, bicicleta e dança, estão relacionados com a melhora da oxigenação do coração e dos pulmões e com a diminuição do mau colesterol (LDL) e triglicérides. Esses exercícios são os melhores para a promoção da saúde e para o bem-estar.

Não pare agora… Tem mais depois da publicidade 😉
Já para ganhar massa e força muscular, os exercícios indicados são os de musculação, também chamados de exercícios de carga. Esses exercícios também são importantes porque aumentam a força para evitar lesões, diminuem dores lombares, também reduzem o mal colesterol (LDL) e previnem doenças. Sem contar a melhora estética.

Não importa qual exercício físico você realiza, o importante é não ficar parado e praticar essa atividade com regularidade. Entretanto, não é recomendado fazer atividades físicas sem antes consultar um médico, pois devem ser realizados exames antes de iniciá-las. Estando apto para praticar exercícios, basta escolher o que mais lhe agrada. É importante gostar do exercício escolhido, pois só assim você evitará o abandono da atividade.

O ideal é que as atividades físicas sejam realizadas por, no mínimo, 30 minutos e quatro vezes durante a semana. Perceba que o tempo é pequeno e você pode facilmente conseguir realizar esse período de atividades se mudar um pouco sua rotina. Leve seu cachorro para passear, acorde cedo, vá à padaria a pé, opte pela escada em substituição ao elevador ou, quem sabe, vá trabalhar ou estudar de bicicleta. São coisas simples que podem mudar sua vida.

Anorgasmia, um distúrbio sexual desconhecido

Anorgasmia, sabe? Menos conhecida que a ejaculação precoce e disfunção erétil, esta desordem sexual masculina é caracterizada pela ausência de orgasmo e ejaculação durante a relação sexual. Explicações do Dr. Pierre Desvaux, andrologista e sexólogo.

NÃO CONFUNDA ORGASMO, PRAZER E EJACULAÇÃO

Para entender a mecânica sexual do homem e seus problemas, devemos lembrar os 3 conceitos essenciais de sua operação. Três elementos que não devem ser confundidos e que às vezes são muito rapidamente associados uns aos outros.

O orgasmo é uma série de reações que ocorrem no cérebro e no corpo com a ativação neural do circuito de recompensa.

O prazer é o dado subjetivo do prazer experimentado durante o orgasmo. Depende das circunstâncias, da disponibilidade do parceiro, da relação sexual, etc. Ela se expressa em voluptuosidade e intensidade.

A ejaculação é um ato mecânico durante o qual o esperma é removido do corpo por um sistema complicado que causará a contração das glândulas. Ao contrário de algumas imagens, a ejaculação não vem dos testículos. Porque 90% do volume de esperma é secretado pelas glândulas de Cowper e pelas vesículas seminais. Apenas 10% da emissão de espermatozoides vem dos testículos. Esperma sendo feito pouco antes da ejaculação.

ANORGASMIA, UM DISTÚRBIO DELICADO PARA TRATAR

Os ejaculadores prematuros têm, eles, um orgasmo, uma ejaculação mas não de gozo ou débil. Um idoso operado pela próstata o terá, uma ereção , um orgasmo e prazer, mas não ejaculará.

Conheça o estimulante sexual masculino que realmente aumenta o tamanho do pênis mas será que o Tauron Funciona?

REVIVENDO O DESEJO

Precisamos encontrar a medida certa, reavivar o desejo e trabalhar no nível do casal para determinar os códigos de excitação, redefinir um desejo compartilhado. Portanto, é importante consultar prontamente o início dos sintomas da anorgasmia.

Homens que são viciados em sexo virtual são frequentemente muito ansiosos, eles se masturbam compulsivamente para se libertarem do estresse. “Devemos ser capazes de substituir o prazer solitário pela prática sexual de um casal e desprogramar esses homens da pornografia”, conclui o médico.

?

Homens anorgânicos não apresentam disfunção erétil. Por outro lado, eles são incapazes de atingir o orgasmo e ejacular durante a relação sexual. Enquanto eles são capazes de viver através da masturbação . “Durante o ato sexual, os parceiros desistem depois de um certo tempo”, explica o médico Pierre Desvaux, médico e sexólogo. Este distúrbio sexual é complicado de tratar porque não há remédio para acelerar a ejaculação e muito menos para atingir o orgasmo.

“Se há razões fisiológicas, como a idade (após os 70 anos), deficiência hormonal (falta de testosterona), as causas da anorgasmia são mais frequentemente psicológicas e eu vejo mais e mais homens jovens em consulta que vive este doloroso problema sexual “, explica Pierre Desvaux. A maioria deles era “alimentada à força” à pornografia. Eles alimentaram seu desejo com mais e mais fotos duras e fantasias cada vez mais estranhas. Tanto é assim que eles praticamente experimentaram tudo e nada da realidade pode excitá-los mais. Eles têm afeto, até mesmo amor, por seu parceiro, mas provavelmente nenhum desejo, porque seu cérebro foi condicionado a reagir a imagens pornográficas.

Além disso, esses jovens não se atrevem a confessar suas fantasias (muitas vezes longe demais da realidade) ao parceiro. Eles são bloqueados pelo relacionamento sexual do casal. Mas quando se trata de se masturbar, eles se encontrarão novamente em uma situação (na frente de imagens pornográficas) de excitação.

“A solução, complicada, é ter sucesso em descondicionar esses pacientes da sexualidade na internet”, diz Pierre Desvaux.

REVIVENDO O DESEJO

Precisamos encontrar a medida certa, reavivar o desejo e trabalhar no nível do casal para determinar os códigos de excitação, redefinir um desejo compartilhado. Portanto, é importante consultar prontamente o início dos sintomas da anorgasmia.

Homens que são viciados em sexo virtual são frequentemente muito ansiosos, eles se masturbam compulsivamente para se libertarem do estresse. “Devemos ser capazes de substituir o prazer solitário pela prática sexual de um casal e desprogramar esses homens da pornografia”, conclui o médico.

Farinha de banana verde: emagrece e reduz risco de diabetes

O amido resistente dessa fruta evita picos de glicose no seu sangue e traz saciedade

A farinha de banana verde é feita justamente com a fruta que ainda não amadureceu. Mas comer uma fruta verde não faz mal? No caso da banana, ela está cheia de benefícios e o principal deles é o tal do amido resistente. Por ser digerido apenas no intestino, e não no estômago, ele traz uma série de benefícios para o nosso organismo, como turbinar a imunidade, melhorar a digestão e até fazer bem aos índices glicêmicos.

Principais nutrientes da farinha de banana verde
Banana maçã – Composição nutricional (100 g)

Nutrientes Banana Maçã Madura Banana Maçã Verde
Calorias (Kcal) 121 100
Proteínas (g) 1,22 1,32
Gorduras totais (g) 0,48 —
Carboidratos (g) 30,19 27,3
Fibras (g) 2,16 3,63
Fonte: Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Universidade de São Paulo (USP)

A banana verde pode ter de 55 a 93% de seu amido na forma resistente, uma forma de carboidrato muito mais saudável para o organismo e responsável pela maior parte de seus benefícios à saúde, por ser digerido apenas no intestino delgado e não se converter em glicose que será liberada na corrente sanguínea. Além disso, ela apresenta menos sacarose, um tipo de açúcar natural da fruta.

Além disso, a banana verde tem menos calorias e carboidratos, como é possível verificar na tabela acima, o que ajuda a reverter o ganho de peso. E possui zero gorduras, o que permite a inclusão de outros alimentos com gorduras boas na refeição. Para completar, ela possui mais fibras do que a banana madura também, o que melhora também o trânsito intestinal.

A farinha mantém os principais nutrientes da banana verde, mas não se sabe ao certo o quanto ela conserva do aminoácido triptofano, por exemplo, precursor da serotonina, neurotransmissor relacionado à sensação de bem-estar.

Saiba mais: Farinha da casca do maracujá pode ajudar a prevenir e controlar o diabetes
Não existe uma tabela oficial da farinha de banana verde, mas dois estudos computaram seu teor de nutrientes e chegaram a mesma composição:

Farinha de banana verde – 30 g (uma porção)
Calorias 99,1 kcal
Carboidratos 22 g
Proteínas 0,66 g
Gorduras —
Fibras 2,66 g
Fósforo 57 mg
Cálcio 47,1 mg
Magnésio 9,24 mg
Ferro 0,92 mg
Manganês 0,04 mg
Fonte: Estudo Caracterização da farinha de banana verde. Ciênc. Tecnol. Aliment. vol. 29 no.2 Campinas Abril/Junho 2009; Estudo Composição química de misturas de farinhas de banana verde com castanha do brasil. Rev. Inst. Adolfo Lutz;69(3):396-402, jul.-set. 2010 – Adaptados para porção de 30 gramas

Além do amido resistente, uma das vantagens da farinha de banana verde são suas fibras. A quantidade recomendada diária de ingestão desse nutriente é de 25 gramas. Duas colheres de sopa de farinha de banana verde (ou 30 gramas), a quantidade diária recomendada, contêm 2,66 gramas de fibras, ou seja, 10% do que você precisa consumir no dia.

Veja qual porcentagem do Valor Diário* de alguns nutrientes a porção dessa farinha traz:

10% de fibra
8% de fósforo
7% de carboidrato
6% de ferro
5% de cálcio
3% de magnésio
2% de manganês
1% de proteína.
Benefícios da farinha de banana verde

Banan verde – Foto: Getty Images
Ajuda a emagrecer A banana verde e sua farinha são ricas no tal do amido resistente, e é justamente esse composto que ajuda a controlar a fome. Isso porque eles retardam o processo de digestão, pois sua estrutura cristalina torna sua digestibilidade mais difícil. Dessa forma, ele fica mais tempo pelo estômago, melhorando a saciedade e reduzindo o consumo de alimentos nas refeições seguintes. O que ajuda a reduzir aquela fome que aparece fora de hora, auxiliando o emagrecimento.

Reduz a produção de insulina Esse é o hormônio que coloca o açúcar para dentro das células. Portanto, quanto mais glicose for liberada na digestão feita estômago, maior a produção dessa substância no organismo. Mas o amido resistente tem uma função semelhante a das fibras, segurando a absorção desse nutriente, e evitando picos glicêmicos. Por isso, ela é considerada um alimento de baixo índice glicêmico.

Mas por que é bom reduzir a produção da insulina? O problema é que quando ela começa a ficar em alta no corpo constantemente, alguns órgãos começam a se tornar tolerantes a ela, sendo preciso cada vez mais para cumprir a mesma função, gerando o quadro de resistência a insulina, que se não for combatido, pode evoluir para o diabetes tipo 2. Como se não bastasse, a simples presença da insulina em altas quantidades no nosso corpo nos faz depositar a gordura no tecido adiposo, ou seja, aumenta a “massa gorda”.

Melhora o funcionamento do intestino O amido resistente também guarda semelhanças com as fibras nesse aspecto, ele não é digerido no estômago, apenas no intestino delgado. Assim, ele atua no processo fermentativo no cólon, através da ação das bactérias probióticas da microbiota intestinal (flora intestinal). No saldo final, isso ajuda o desenvolvimento dessas bactérias do bem, em detrimento dos micro-organismo presentes no intestino que fazem mal para nossa saúde. Como resultado, temos uma melhor absorção de nutrientes, o que dá ao corpo tudo que ele precisa para funcionar de forma correta.

Evita constipações Esse efeito positivo no intestino também melhora o trânsito intestinal, o que é acentuado pela presença de fibras.

Reforça a imunidade No intestino são produzidas cerca de 60% das imunoglobinas, células de defesa do nosso corpo. Portanto, quando o órgão está funcionando bem, nosso corpo fica mais protegido. Além disso, estudos mostram que o consumo de farinha de banana verde pode levar a produção de ácidos graxos de cadeia curta no intestino. Quando eles estão em falta, fica mais fácil para as bactérias nocivas da microbiota intestinal se deslocarem para a corrente sanguínea, aumentando a chance de infecções pelo corpo.

Diminui o colesterol Assim como a glicose demora mais para ser enviada para a corrente sanguínea, o mesmo ocorre com o colesterol. Além disso, aqueles ácidos graxos de cadeia curta são responsáveis pela redução da absorção do colesterol no intestino. O resultado é que há uma redução do LDL (colesterol ruim). Quem sai ganhando com isso é a nossa saúde, já que o LDL em excesso pode acarretar no acúmulo de placas de gordura nas artérias do corpo, entupindo-as, um quadro chamado aterosclerose. Isso aumenta a chances de infarto ou de AVC, se o bloqueio ocorrer perto do coração ou do cérebro.

Quantidade recomendada de farinha de banana verde
Os especialistas indicam a ingestão de até duas colheres de sopa ao dia da farinha, o que equivale a 30 gramas do alimento.

Como consumir a farinha de banana verde
O ideal é consumir essa farinha com outros alimentos. Ela pode ser misturada a sucos, vitaminas e sopas, consumida com frutas, ou integrar massas de tortas e bolos.

Compare a farinha de banana verde com outros alimentos
A maior parte das farinhas funcionais não contém tabela nutricional oficial, portanto não é possível comparar a farinha de banana verde com elas. Porém, as quantidades de nutrientes deste alimento pode ser comparada com outros tipos:

A banana verde é o alimento com mais amido resistente. Para ter uma comparação, uma colher de arroz de ervilha cozida (equivalente a 60 gramas) tem 1,2 gramas desse nutriente, enquanto 30 g de farinha de banana nanica verde tem 7 g de amido, ou seja, quase 6 vezes mais. Uma fatia de 30 g de pão integral, por sua vez, tem 0,37 g de amido resistente, ou seja, a farinha tem quase 18 vezes mais desse nutriente.
Quando falamos em fibras, a farinha de banana verde tem um número equivalente a alguns grãos. 30 gramas desse item têm 2,66 g de fibras, contra 2,73 g presentes em 30 g de aveia. Portanto, eis uma boa forma de aliar esse componente à dieta.
Contraindicações
Não existe contraindicação ao consumo dessa farinha, a não ser que se tenha alergia a algum componente da banana.

Riscos
A farinha de banana verde é um alimento fonte de carboidrato, portanto, em excesso pode levar ao excesso de peso e acumulo de gordura. Além disso, o excesso de fibras e amido resistente pode levar a constipação.

Onde encontrar
A farinha de banana verde pode ser encontrada em supermercados, lojas de produtos naturais ou mesmo comprada em lojas virtuais. Porém, sempre compre de marcas e locais de confiança.

Saiba mais: Farinha de feijão branco: ajuda a emagrecer e controla o diabetes
Como fazer a farinha de banana verde
Como as farinhas prontas podem conter conservantes e corantes, ela também pode ser feita em casa. Normalmente a banana prata é a mais recomendada para o preparo da farinha, mas podem ser usados outros tipos de banana.

Leia também: Farinha seca barriga preço

Receita de torta de vegetais com farinha de banana verde ajuda a emagrecer

Para fazer, primeiro escalde as bananas verde em água fervente por dois minutos, com casca e tudo. Tire da água, descasque-a, dispense a casca e corte a banana em tiras. Coloque essas tiras em uma forma antiaderente, dispostas lado a lado. Leve ao forno e deixe torrar até ficarem esturricadas, endurecidas, quebradiças e esfarinhando na mão, mas sem ter um aspecto de queimado. Bata tudo no liquidificador e depois passe em uma peneira fina. Guarde em local seco e arejado por até uma semana.

Receitas com Farinha de Banana Verde

Leia também: Phytophen Anvisa

Bolo com farinha de banana verde – Foto: Getty Images
Depois de obter a farinha não sabe o que fazer com ela? Nossos nutricionistas sugeriram receitas deliciosas com o alimento para você